3 molhos (além do barbecue) para acompanhar seus assados

É bom explicar que não vamos falar do molho barbecue dessa vez. Já fizemos um post especificamente sobre ele, então seria redundante. O que queremos apresentar dessa vez são opções saborosas para acompanhar as carnes no churrasco. Apesar de não ser bem um costume brasileiro ter molhos acompanhando, garantimos que depois de provar, você vai querer sempre! E estas opções são realmente deliciosas e nem um pouco complicadas de fazer. Vamos lá.

Molho de alho árabe

Ingredientes:

  • 2 cabeças de alho descascadas e picadas
  • ½ xícara de azeite (ou óleo de canola ou girassol)
  • suco de 1 limão
  • sal

Olha que difícil: bata tudo no liquidificador até formar uma pasta homogênea e consistente. Pronto. Mas se ficar com medo, siga essa ordem, até para não errar nas medidas. Primeiro o alho e então vá adicionando o azeite aos poucos, para formar a pasta. quando estiver na textura correta, adicione o limão e acerte o sal, experimentando sempre. Acabou.

Steak sauce Americano

Ingredientes:

  • Azeite
  • Manteiga
  • Cebola
  • Cogumelos
  • Sal e pimenta

Um pouco mais complicadinho, mas dá pra fazer enquanto a carne está assando, bem prático. Coloque numa panela ¼ de uma barra de manteiga (aproximadamente 50g) e metade disso de azeite. Misturar azeite e manteiga impede que o óleo queime, gerando gordura trans. Adicione 2 cebolas cortadas em rodelas e dê aquela refogada matreira. Quando a cebola estiver soltando aquele cheirinho delicioso, coloque umas 200 gramas de cogumelos fatiados e deixe tudo misturar bem. Experimente o sabor e regule sal e pimenta. E pronto, é só servir em cima da carne.

Tiger Sauce do Outback

Ingredientes:

  • Sour Cream (creme de leite azedo, parecido com coalhada)
  • Raiz-forte (rábano, ou falso wasabi)
  • Dill (chamado também de Endro)

Esta é uma receita fácil e de poucos ingredientes, mas ao mesmo tempo pode ser a mais complicada, apesar de ter apenas 3 itens, consegui-los pode ser meio que uma caçada pokémon. Então vamos com calma: em primeiro lugar, o sour cream (creme azedo). Se você não conseguir achar no mercado, pode tentar fazer em casa, ou usar coalhada mesmo, mas a coalhada não é exatamente a mesma coisa. Quer tentar fazer você mesmo o sour cream? Junte muito bem o suco de 1 limão para cada 200g de creme de leite fresco e deixe na geladeira por ao menos 24 horas.

Agora vamos juntar a raiz-forte e o dill ao creme azedo. A raiz-forte, também chamada de rábano-silvestre é uma raiz parecida com o gengibre, que não tem muito gosto, mas, quando ralada, desenvolve um sabor bem picante e é geralmente ralado mesmo que se encontra para comprar. Procure pela raiz-forte já preparada, porque se for tentar fazer em casa ela estraga muito rápido. Geralmente é encontrada em lojas de produtos orientais como o falso wasabi, ou em lojas boas de produtos naturais.

O Endro, ou Dill é o último ingrediente e deve estar bem picadinho. Não é muito difícil de encontrar, mas tanto ele quanto a raiz-forte exigem que você tenha muito cuidado na hora de dosar.

Por esse motivo, não vamos colocar quantidades. Faça assim: coloque um pouco de cada no creme azedo e misture bem. Experimente. Adicione um pouco mais e experimente. Quando estiver com um gosto bom, pare de adicionar e coloque na geladeira de um dia para o outro. Viu? Demonstre suas capacidades culinárias com essas delícias agora!

Você pode gostar de...